Tag Archives: Sonic 4

[EPIC FAIL] – Sonic 4

No início, todos os elementos estavam alinhados para que tudo desse certo. Havia a vontade, havia a nostalgia, havia a esperança lançada desde o anúncio que o tal Project Needlemouse era sim Sonic, e além disso era Sonic voltando às raízes. Dentro de alguns meses, Sonic 4 Episódio 1 seria lançado para as principais plataformas de games, para delírio dos fãs que aguardavam esse momento há mais de 10 anos.

Então a demo chegou. Empolgado, baixei a demo, e estava maluco para saber como tudo seria feito, já que Sonic 4 ignora anos de spin-offs, aberrações na história e uma penca de sidekicks desnecessários (com exceção do Knucles, o mais fodão na minha opinião).

Assim que apertei o botão e iniciei o demo, a minha infância voltou à tela. Até a formação do logo da Sega, no mesmo estilo do Mega Drive, estava lá, com direito à aquela mesma voz falando o nome da empresa (SE-GAAAA) enquanto o Sonic passava correndo e revelava as letras. Nostalgia apitando no máximo, e até um nó na garganta de emoção apareceu (ok, é mentira, mas foi bem emocionante).

Tinha tudo pra ser o retorno ideal… Mas…

E aí, o inferno começou. Sim, é o Sonic mesmo, sim, o demo tem o mesmo aspecto da primeira fase do jogo de Mega Drive, mas tinha alguma coisa errada.

O principal problema pra mim é o peso do personagem. Não, não é o peso do Sonic, que parece mais alto e mais magro do que sua versão mais nova. Estou falando da sua dificuldade de locomoção. Pra se ter uma idéia, a impressão que tive é que o Zangief conseguiria correr mais rápido que este Sonic. Na minha cabeça rolou aquela desculpa “ah, eu é que desacostumei com o controle”. E na verdade, só enganei a mim mesmo.

Isso se tornou uma reclamação constante durante a demo, e que viria a ser confirmada na versão completa que comprei. Mas não fui manolo. Entre pagar US$ 15 na PSN, ou gastar meus valiosos MS Points na Live Arcade, optei por comprar a versão de iPod, e jogar no portátil. Sei que os gráficos iriam ser inferiores, mas eu precisava testar o jogo completo, e queria me desfazer dessa má impressão. E se por acaso os controles fossem iguais e os problemas persistissem, o prejuízo seria bem menor.

A famosa (e infame) fase do Casino.

A física de Sonic 4 é patética. O primeiro problema que notei é a falta de qualquer preocupação com a quantidade de movimento, que o Mega Drive e até o Master System desempenhavam com louvor, há mais de uma década atrás. Não existe nenhuma justificativa plausível para que o Sonic pare bruscamente durante uma subida. Perder velocidade, ok, agora “ancorar” no lugar fica realmente esquisito.

Até achei que isso seria puntual, mas se repete irritantemente por todo o jogo. Em vários momentos, você entra por um espiral, ou por um loop, pega velocidade, e como sempre fiz no MD (Mega Drive pros íntimos), eu largo o controle direcional, e foco mais nos botões de pulo. Isso em Sonic 4 não acontece mais, até porque assim que você larga o direcional, em menos de 2 segundos Sonic já está parado. E isso é inadmissível. Virtualmente, Sonic pode descer o Himalaya correndo que assim que chegar no pé da montanha ele vai ficar paradinho.

Claro que tinha que ter uma fase com água subindo.

Outro ponto do jogo, na fase do Casino, existem alguns canhões que você usa para se lançar à outras partes do cenário, e aqui a coisa fica feia. Se você lançar Sonic pelos ares e não segurar o direcional, Sonic cai em linha reta!! Isso vai contra todas e qualquer lei da física! Foi mais ou menos por aí que a vontade de jogar acabou, e o orgulho gamer foi o que me manteve adiante para terminar o jogo.

Fisica de canhões 101: trajetória em arco simples.

Física de Canhões em Sonic 4: Trajetória em Arco Brocha.

Uma diferença que Sonic 4 tem comparado aos demais jogos é o Homing Attack. Muitas vezes ele ajuda, mas em algumas atrapalha, e muito. Por exemplo, eu não vejo nenhum motivo para o Homing Attack ter um “rebote” tão grande, já que quando você usa e bate numa barreira, é jogado pra trás, e a distância que você cai é quase o dobro da sua distância original. Na maioria das vezes, isso é indiferente, mas enfrentando chefes, dentro daquele espaço restrito e com pouquíssimas moedas disponíveis, pode ser perigoso. Inclusive enfrentando o último chefe, morri inúmeras vezes após pular em um certo artefato (sem spoiler) e ser arremessado exatamente na direção de mais uma máquina do Dr. Robotinik.

E também temos uma fase com o cenário te amassando.

Sonic 4 terá lançamentos em episódios, e pelo que vi no primeiro, arrisco dizer que teremos pelo menos mais 2 episódios. O Episódio 1 é um claro remake de Sonic 1, com fases muito parecidas, mas que contam com algumas mudanças na jogabilidade (o Homing Attack sendo um deles), além de termos o Robotnik usando máquinas do Sonic 2. Se a lógica servir, o próximo episódio pode ser um remake do Sonic 3 e Sonic & Knucles, com 3º e último episódio sendo mais original, para “justificar” um retorno à série. E eu torço para que tenhamos pelo menos o Knucles, que é um dos meus personagens favoritos.

Eu acredito que não valha a pena pagar os 15 dólares, ou os pontos da MS para pegar este jogo. Como Sonic 4 ainda terá mais episódios, espero que a Sega ouça as críticas que estão sendo mandadas, e que melhore nos próximos episódios. E, dependendo de quanto será o preço dos próximos episódios, a compra nem vai se justificar.

Sonic 4 Episódio1: FAIL

[Tweet Post] O que esperar de Sonic 4

Post_Tweet

Estou acompanhando com um pouco de esperança as notícias que saem sobre Sonic 4, jogo que promete retomar as origens do porco-espinho mais famoso do mundo dos games. Sonic 4 está sendo alardeado sobre a sua jogabilidade bi-dimensional, como uma das maiores provas que a Sega resolveu desistir do mundo 3D que simplesmente não encaixava com o clima e a atmosfera do jogo. Outra boa notícia diz a respeito do abandono de todo o zoológicos de personagens secundários desnecessários, mantendo Sonic como a estrela, talvez Tails como um backup (como fazia nos jogos Sonic 2 e Sonic 3), e eu particularmente torço para que Knucles também faça uma ponta. É um dos personagens BadBoys que mais me agrada, mas também parei por aí. Nada de interesses amorosos, gatos pescadores retardados, mulher-morcego ou jacaré de headphones.

Sonic Collage

Você de Azul no centro da foto, tá escolhido. O resto está dispensado.

Uma das coisas que sempre me agradou jogando aqueles joguinhos lá da era 16-bits era a sensação de que o jogo transmitia por ser real. Ok, eu sei que não existe porco-espinho azul na natureza, mas o meu foco é na jogabilidade. Você apertava o direcional, Sonic primeiro andava, depois corria, e depois disparava. Se por acaso aparecesse uma subida, você perdia a velocidade, e em situações de descida você voltava a ganhar velocidade. Simples, e em resumo, a gravidade funcionava. Nos games mais recentes, com raríssimas exceções, bastava apertar o direcional e já se iam 15 telas que você mal teria tempo de observar. Os detalhes trabalhados pelo cenário se tornavam inúteis, já que você mal poderia ver o que estava acontecendo, e com isso, possibilidades de explorações de possíveis rotas alternativas se perdiam. Se haviam camadas por baixo do caminho principal, ficaram presas à má jogabilidade. E isso sempre foi um dos grandes motivos de ligar meu Mega Drive e procurar por estes caminhos.

wallpaper-309602

Essa tela pra mim representa um dos melhores jogos do Sonic. E da era 16 bits também.

Por fim, acho que Sonic 4 pode ser um dos maiores pontos da Sega em anos com relação ao seu principal (e mais lucrativo) mascote. Mas não quero que seja só isso: quero que o Episódio 1, como está sendo intitulado o primeiro pacote de download, seja mais do que suficiente que podemos sim ter diversão com o Sonic mesmo após este game esteja terminado, e que reacenda todas as emoções que tínhamos quando controlávamos o porco-espinho azul lá nos 16 bits!

[Tweet Post] Notícias Pós-Carnaval

Post_Tweet

Acompanhe aqui as últimas notícias dos games enquanto cura a sua ressaca!

  • Saíram mais trailers de God of War 3, e não, eu não me canso de falar o quanto eu quero esse jogo!

[gametrailers 61814]

Chaos will rise again…

[gametrailers 56542]

Falta muito pro dia 16 de março chegar???

  • Desvendado o mistério: o chamado Project Needlemouse é Sonic 4! A Sega anunciou recentemente que o próximo projeto do seu mascote leverá o porco-espinho azul de volta às suas origens, numa série de jogos que lembram a clássica trilogia que alegrou os fãs da Sega na era de 16 bits. O primeiro episódio será colocado para download em breve.

[gametrailers 55692]

Teaser do Project Needlemouse

[gametrailers 61577]

Sonic 4: Epidódio 1

*Nota do Autor: SEGA, se querem fazer um jogo excelente, joguem suas criações da era 16 bits, como Sonic 3 e Sonic & Knucles. É só isso que queremos. Grato, GC.

  • Heavy Rain lança demo na Playstation Store: Essa semana baixei e testei o demo do tão aguardado jogo Heavy Rain. E sinceramente, é um jogo que eu estou querendo ver há anos. Não precisa nem mencionar que os gráficos, mesmo ainda estando na fase de finalização estão soberbos, e a sensação da chuva caindo é tão real que eu quase fiquei resfriado, jogando na minha sala!

[gametrailers 61299]

Heavy Rain deveria ser considerado um filme-interativo…

[gametrailers 50384]

Suas escolhas determinam o seu caminho.

  • Mais três personagen são anunciados para Super Street Fighter IV: são eles Ibuki, Makoto e Dudley. Também foram anunciados 2 Ultra Combos para cada um deles, mas o Press Release Oficial da Capcom deve ocorrer somente no final de semana. As informações são da Famitsu Europa.
  • Resident Evil 5: Gold Edition lançou mais 2 vídeos na rede, com o gameplay de Rebecca Chambers e Barry Burton, ambos originais do primeiro jogo da série, que estarão disponívies no modo The Mercenaries. Confira os vídeos aqui:

[gametrailers 61807]

Rebbeca Chambers não é só uma menininha

[gametrailers 61806]

Barry e sua inseparável Magnum…

*Nota do Autor: Caso você possua a versão original de Resident Evil, coloque ela pra rodar no seu videogame. As atualizações estão sendo disponibilizadas na PSN e XBLA de graça para quem tem a versão de 2008.

  • Quer conhecer o sistema de batalhas de Final Fantasy XIII? A Microsoft disponibilizou durante o seu evento X10 (que é fechado ao público e mesmo a imprensa especializada só entra com convite) um demo jogável de Final Fantasy XIII, e a Gamespot fez uma verdadeira biópsia do sistema de batalhas, mesmo alerta sobre a diferença entre aquela demo (onde tudo era liberado) e o jogo final. Matéria em inglês neste link aqui!
  • A série que derrubou Tony Hawk’s Pro Skater do seu trono de simulador de skate retorna com mais uma versão: Skate 3 está quase pronto para lançamento (que acontece em Maio deste ano), e vai vir com uma novidade: a modalidade de Co-Op. Vai ser possível criar times de skatistas, recrutados na XBLA e na PSN, além de você poder criar a sua própria marca para estampar o seu time. Vale lembrar que Skate leva a jogabilidade para o analógico direito, e isso traz uma aproximação mais realista do game com o esporte. Chega dessa mamata de pegar impulso, pular, subir 450 metros e apertar todos os botões ao mesmo tempo para conseguir 1,500,000 de pontos em uma rodada (cof*TonyHawk*cof). Confira aí algumas imagens do game em desenvolvimento!

Skate3

Ah, essa manobra é ridícula de se fazer… no videogame…

Skate3_1

A seção de vídeos do jogo também é bem profissional!

Skate3_2

Chame um amigo para uma session com você…

Skate3_3

…Ou forme a sua prórpia equipe!